Quantos Banheiros para Cadeirante são necessários em uma Edificação?

Quantidade de banheiros adaptados necessários:

  • 1- Em Edificações Públicas: do numero total de vasos sanitários nos banheiros, devem ser destinados 5% deles para Portadores de Necessidades Especiais.
  • Atentar que se deve ter no MÍNIMO UM banheiro acessível para cada sexo, nos pavimentos onde tiver sanitário.
  • Caso seja uma adaptação de banheiros já existentes (não seja uma construção nova), deverá ter um por pavimento, onde houver ou onde a legislação obrigar a ter sanitários;
  • 2- Em Condomínios e Edificações Privados, em áreas de uso comum: do numero total de vasos sanitários nos banheiros, devem ser destinados 5% deles para Portadores de Necessidades Especiais.
  • Caso a edificação já for existente, será obrigatória uma unidade.
  • Caso a edificação passar por reforma ou ampliação, então devem ser destinados 5% do total de cada peça sanitária, sendo no MÍNIMO UM por pavimento, no pavimento que existir sanitário.
  • Em Edificações Coletivas: Caso a construção seja nova, deverá prever 5% do total das peças sanitárias, com, no MÍNIMO UM em cada pavimento, onde houver sanitário.
  • Se a edificação já for existente, deverá se destinar no MÍNIMO UMA unidade adaptada onde houver sanitários.
  • Caso a edificação passar por reforma ou ampliação, então devem ser destinados 5% do total de cada peça sanitária, sendo no MÍNIMO UM por pavimento, no pavimento que existir sanitário.
  • e
  • não
  • deixe
  • de pensar
  • que em Residencias
  • também é importante ter
  • banheiros acessíveis para
  • idosos, crianças e obesos.
  • para segurança e conforto dos
  • moradores, lembrando sempre que:
  • PREVENIR É MELHOR QUE REMEDIAR!

 

Onde são necessários banheiro? Onde são obrigatórios?

Aonde os banheiros adaptados são necessários?

Os banheiros acessíveis são obrigatórios em:

1- Condomínios e Edificações Privadas de uso comum (como em edifícios residenciais – em locais como salões de festa).

2- Edificações públicas (do governo ou que trabalhem para este).

3- Edificações coletivas (hotéis, locais esportivos, religiosos, prestadoras de serviços, etc).

COMO ESPECIFICAR BARRAS DE APOIO PARA BANHEIROS PNE?

Quando o assunto é Banheiro Acessível – tanto públicos quanto privados – necessitam de atenção redobrada. Para que esses espaços possam ser usados com segurança, independentemente de idade, estatura ou condições físicas, uma série de materiais deve constar no projeto, com destaque para as barras de apoio.

“As Barras de Apoio devem estar sempre presente, entretanto, sua simples existência não torna o banheiro acessível. É preciso, por exemplo, cuidado com a posicionamento das Barras de Apoio respeitando as cotas de instalação, para que o espaço reservado à transferência da cadeira de rodas para o assento sanitário e vice-versa seja o mesmo estipulado pela NBR 9050 da ABNT.

Para Tanto,arquitetos e instaladores, quando forem especificar e posicionar as barras de apoio, devem consultar e atender ao especificado na Norma Oficial de Acessibilidade a edificações, mobiliários, espaços e equipamentos urbanos, elaborada pela ABNT- Associação Brasileira de Normas Técnicas, de número NBR 9050, em vigor desde 2004, que contempla todas as informações necessárias para a correta elaboração do projeto.

 

Como Projetar Banheiros com acessibilidade para pessoas com deficiência física e idosos

O banheiro necessita atender às diferentes características das pessoas que vão utilizá-lo e isso deve ocorrer de uma forma segura e independente. O termo que define um projeto que atenda ao maior número de pessoas possíveis é o Desenho Universal, e requer considerar as habilidades ou dificuldades de utilização de um espaço pelas pessoas ao longo de toda a vida.

Considera-se, em nossa sociedade, que a privacidade seja um fator preponderante para que as funções orgânicas e de higiene pessoal possam ser efetuadas adequadamente, sendo que somente entre as crianças ainda pequenas a falta de privacidade não representa um problema. O usuário portador de deficiência não consegue, muitas vezes, entrar no ambiente em que esteja localizada a bacia sanitária, pias e chuveiro devido a dimensões inadequadas, portas com vãos estreitos e peças e metais sanitários dispostos de uma forma inacessível para uma pessoa com mobilidade reduzida.

O impacto social e psicológico que pode causar a esse usuário é grande, desestimulando a saída para outros ambientes que não podem ser utilizados com privacidade sem a ajuda de terceiros e muitas vezes tendo na própria residência a necessidade de auxílio devido às características inadequadas dos equipamentos e do ambiente. Hoje, diz-se que uma proposta arquitetônica cria ou suprime uma deficiência.

Pesquisas recentes em APO (Avaliação Pós-Ocupação) têm apontado que, apesar dos avanços em termos de normalização, legislação e interesse, ainda que isolados, de algumas escolas de arquitetura, o atendimento aos quesitos básicos de acessibilidade ou do Desenho Universal está ainda longe da incorporação cotidiana nas atividades de projetos executivos. Além disso, há casos em que se verifica uma interpretação equivocada da NBR 9050/94 resultando em projetos que, por vezes, oferecem mais barreiras que acessos.

Assim, pelas razões já expostas, o banheiro de uso residencial ou situado em espaços de uso coletivo e tal como ocorre há muitas décadas nos países desenvolvidos é um dos ambientes internos da edificação que tanto para pessoas com dificuldades permanentes quanto para aquelas com dificuldades temporárias deve ser simplesmente acessível. Daí ter procurado destacá-lo como exemplo prático neste artigo.

Por que executar um projeto detalhado de acessibilidade?
Detalhes que muitas vezes são imperceptíveis para uma pessoa que utiliza um espaço sem ter alguma dificuldade de locomoção podem se tornar impeditivos se essa pessoa estiver utilizando bengala, cadeira de rodas ou alguma prótese. Imagine uma pessoa sentada em um vaso sanitário sem poder alcançar o papel higiênico, nem levantar-se para pegá-lo. Isso ocorre inúmeras vezes, não por um desrespeito às pessoas com alguma dificuldade de locomoção, mas por falta de detalhamento no projeto e critérios na execução.

Outra necessidade é o planejamento prévio para execução da obra em locais cujos parâmetros de acessibilidade devam ser respeitados. Caso o projeto preveja paredes de gesso acartonado, é necessário deixar reforços internos, nos locais onde serão fixadas barras de apoio e transferência, para suportar o peso de uma pessoa. A localização e altura dos pontos hidráulicos e elétricos devem ser adequadas para que não se torne necessário quebrar as paredes para uma reforma posterior. A drenagem deve ser projetada para que um desnível máximo de 0,015 m (chanfrado a 45o) entre o piso do boxe do chuveiro e o restante do piso do banheiro seja suficiente. Isso reduz o risco de alguém escorregar e cair no piso molhado do boxe.

Assim sendo, serão elencados os critérios que devem ser adotados no desenvolvimento de um projeto e posterior construção de um banheiro para que atenda às necessidades de um maior número de pessoas possíveis, segundo o conceito do Desenho Universal.

Descarga Deficiente tipo Alavanca a 1 metro de altura

Descarga tipo Alavanca a 1 metro de altura diz a norma nbr 9050 para os mecanismos de acionamento de descarga nos vasos sanitários elevados nos banheiros adaptados acessíveis para pne, deficientes ou cadeirantes.

 

Barra de apoio e tudo para montar um banheiro completo pela nbr9050 você encontra de pronta entrega em Pinheiros na Mil Assentos ou ligue 11-3032.0074, BARRA DE APOIO PARA CAIXA ACOPLADA,tamanho barra articulada, BACIA SANITÁRIA ELEVADA,VASO PARA DEFICIENTES,VASO PARA PNE,BACIA ACESSÍVEL

Descarga tipo Alavanca a 1 metro de altura e barras de apoio PARA BACIA SANITÁRIA ELEVADA PARA BANHEIRO PNE de todos os Tamanhos, Tipos e Modelos você encontra de pronta entrega em Pinheiros na Mil Assentos ou ligue 11-3032.0074.

 

Para qualquer outros esclarecimentos podem ligar para os especialistas da Mil Assentos que estarão ao seu dispor para quaisquer dúvidas no fone 11-3032.0074 ou vá até Pinheiros SP na Av, Pedroso de Morais, 359; e veja todas estas peças montadas em exposição e como se monta um banheiro acessível adaptado para deficiente físico.

Lavatórios para Banheiros Adaptados para PNE Deficientes e Cadeirantes.

Lavatórios para Sanitários PNE

Deve ser prevista área de aproximação frontal para P.M.R, e para P.C.R devendo estender-se até o mínimo de 0,25 m sob o lavatório

lavatorio-2.jpg

 

Os lavatórios devem ser suspensos, sendo que sua borda superior deve estar a uma altura de  0,78 m a 0,80 m do piso acabado e respeitando uma altura livre mínima de 0,73 m na sua parte inferior frontal. O sifão e a tubulação devem estar situados a no mínimo 0,25 m da face externa frontal e ter dispositivo de proteção do tipo coluna suspensa ou similar. Não é permitida a utilização de colunas até o piso ou gabinetes. Sob o lavatório não deve haver elementos com superfícies cortantes ou abrasivas.

As torneiras de lavatórios devem ser acionadas por alavanca, sensor eletrônico ou dispositivos equivalentes. Quando forem utilizados misturadores, estes devem ser preferencialmente de monocomando.

Devem ser instaladas barras de apoio junto ao lavatório, na altura do mesmo.

lavatorio-4.jpg

 

 

No caso de lavatórios embutidos em bancadas, devem ser instaladas barras de apoio fixadas nas paredes laterais aos lavatórios das extremidades.

lavatorio-bancada.jpg

 

Medidas de Banheiro Acessível Adaptado PNE para Deficiente e Cadeirante.

Medidas de Banheiro PNE para Deficiente

Medidas de Banheiro PNE para Deficiente e Cadeirante.

 

1-) Area Minima de 1,70m por 1,50m pode utilizar porta de 80 cm como abaixo:

 

AQUÍ NO MEU BANHEIRO; você encontra TUDO para Banheiro PNE.

CLIK NO LINK E VEJA TODOS OS PRODUTOS APROVADOS PELA NBR 9050 PARA BANHEIRO PNE.

http://www.meubanheiro.com.br/categories/Acessibilidade/

 

7.3.3 Boxe para bacia sanitária acessível

7.3.3.1 Os boxes para bacia sanitária devem garantir as áreas para transferência diagonal, lateral e
perpendicular, bem como área de manobra para rotação de 180º, conforme figura 125.
Quando houver mais de um boxe acessível, as bacias sanitárias, áreas de transferência e barras de apoio
devem estar posicionadas de lados diferentes, contemplando todas as formas de transferência para a bacia,
conforme 7.3.1.1.

 

 

AQUÍ NO MEU BANHEIRO; você encontra TUDO para Banheiro PNE.

CLIK NO LINK E VEJA TODOS OS PRODUTOS APROVADOS PELA NBR 9050 PARA BANHEIRO PNE.

http://www.meubanheiro.com.br/categories/Acessibilidade/

 

 

area minima banheiro PNE 1,70m x 1,50m com porta de 80cm de largura

 

 

 

2-) Area Minima de 1,50m por 1,50m deve utilizar porta de 100 cm como abaixo:

Em caso de reformas, quando for impraticável a instalação de boxes com as dimensões que
atendam às condições acima especificadas, são admissíveis boxes com dimensões mínimas, de forma que
atendam pelo menos uma forma de transferência, ou se considere área de manobra externamente ao boxe,
conforme figura 126. Neste caso, as portas devem ter 1,00 m de largura.

area minima banheiro PNE 1,50m x 1,50m com porta de 1 metro de largura

AQUÍ NO MEU BANHEIRO; você encontra TUDO para Banheiro PNE.

CLIK NO LINK E VEJA TODOS OS PRODUTOS APROVADOS PELA NBR 9050 PARA BANHEIRO PNE.

Chapa Inóx para porta de Banheiro Acessível adaptado para PNE Deficiente Cadeirante e Idoso.

Chapa de aço inóx para portas de 80 cm, 90 cm e 100 cm, voce encontra na
Mil Assentos em Pinheiros, são paulo, fone 11-3032.0074, tem tudo para um banheiro acessível completo adaptado para PNE, deficiente, cadeirante ou idoso.
Todos os produtos e acessórios para banheiro pne, disponíveis de pronta entrega, são fabricados conforme a norma nbr 9050, dentro de todas as normativas da Anvisa e do Ministério da Justiça.

 

Chapa Inóx para porta de Banheiro Acessível adaptado para PNE Deficiente Cadeirante e Idoso.

6.11.2.6 As portas devem ter condições de serem abertas com um único movimento, e suas maçanetas devem ser do tipo alavanca, instaladas a uma altura entre 0,80 m e 1,10 m. Recomenda-se que as portas tenham, na sua parte inferior, no lado oposto ao lado da abertura da porta, revestimento resistente a impactos provocados por bengalas, muletas e cadeiras de rodas, até a altura de 0,40 m a partir do piso, conforme Figura 84. 6.11.2.7 As portas de sanitários e vestiários devem ter, no lado oposto ao lado da abertura da porta, um puxador horizontal, conforme a Figura 84, associado à maçaneta. Deve estar localizado a uma distância de 0,10 m do eixo da porta (dobradiça) e possuir comprimento mínimo de 0,40 m, com diâmetro variando de 35 mm a 25 mm, instalado a 0,90 m do piso. O dispositivo de travamento deve observar o descrito em 4.6.8. Recomenda-se que estas portas ou batentes tenham cor contrastante com a da parede e do piso de forma a facilitar sua localização. Dimensões em metros 2,10 Puxador horizontal Maçaneta Revestimento resistente a impactos 0,50 0,40 0,10 0,40 0,90 a 1,10 0,80 a) Vista frontal b) Vista superior a) Vista frontal b) Vista superior Figura 84 – Portas com revestimento e puxador horizontal 6.11.2.8 As portas do tipo vaivém devem ter visor com largura mínima de 0,20 m, tendo sua face inferior situada entre 0,40 m e 0,90 m do piso, e a face superior no mínimo a 1,50 m do piso. O visor deve estar localizado no mínimo entre o eixo vertical central da porta e o lado oposto às dobradiças da porta, conforme Figura 85.

comprar barra de apoio, barra de apoio mil assentos, alarme banheiro mil assentos, mil assentos 11-3032-0074, mil assentos em pinheiros, 1000assentos barra de apoio, tudo para i dosos, banho idoso, banqueta idoso, idoso cadeira de banho, banheiro completo pne na mil assentos,

Chapa de aço inóx para portas de 80 cm, 90 cm e 100cm. voce encontra na
Mil assentos em pinheiros, são paulo, fone 11-3032.0074, tem tudo para um banheiro acessível completo adaptado para PNE, deficiente, cadeirante ou idoso.
Todos os produtos e acessórios para banheiro pne, disponíveis de pronta entrega, são fabricados conforme a norma nbr 9050, dentro de todas as normativas da Anvisa e do Ministério Publico.

Banheiro Pne? Importante: O mecanismo de acionamento das portas do banheiro de deficientes deve requerer força humana direta igual ou inferior a 36 N.

Banheiro Pne? Importante: O mecanismo de acionamento das portas do banheiro de deficientes deve requerer força humana direta igual ou inferior a 36 N. 

6.11.2.6 As portas devem ter condições de serem abertas com um único movimento, e suas maçanetas devem ser do tipo alavanca, instaladas a uma altura entre 0,80 m e 1,10 m. Recomenda-se que as portas tenham, na sua parte inferior, no lado oposto ao lado da abertura da porta, revestimento resistente a impactos provocados por bengalas, muletas e cadeiras de rodas, até a altura de 0,40 m a partir do piso, conforme Figura 84. 6.11.2.7 As portas de sanitários e vestiários devem ter, no lado oposto ao lado da abertura da porta, um puxador horizontal, conforme a Figura 84, associado à maçaneta. Deve estar localizado a uma distância de 0,10 m do eixo da porta (dobradiça) e possuir comprimento mínimo de 0,40 m, com diâmetro variando de 35 mm a 25 mm, instalado a 0,90 m do piso. O dispositivo de travamento deve observar o descrito em 4.6.8. Recomenda-se que estas portas ou batentes tenham cor contrastante com a da parede e do piso de forma a facilitar sua localização. Dimensões em metros 2,10 Puxador horizontal Maçaneta Revestimento resistente a impactos 0,50 0,40 0,10 0,40 0,90 a 1,10 0,80 a) Vista frontal b) Vista superior a) Vista frontal b) Vista superior Figura 84 – Portas com revestimento e puxador horizontal 6.11.2.8 As portas do tipo vaivém devem ter visor com largura mínima de 0,20 m, tendo sua face inferior situada entre 0,40 m e 0,90 m do piso, e a face superior no mínimo a 1,50 m do piso. O visor deve estar localizado no mínimo entre o eixo vertical central da porta e o lado oposto às dobradiças da porta, conforme Figura 85.

Mil assentos em pinheiros, são paulo, fone 11-3032.0074, tem tudo para um banheiro acessível completo adaptado para PNE, deficiente, cadeirante ou idoso.  Todos os produtos e acessórios para banheiro pne, disponíveis de pronta entrega, são fabricados conforme a norma nbr 9050, dentro de todas as normativas da Anvisa e do Ministério Publico.

Mil assentos em pinheiros, são paulo, fone 11-3032.0074, tem tudo para um banheiro acessível completo adaptado para PNE, deficiente, cadeirante ou idoso.
Todos os produtos e acessórios para banheiro pne, disponíveis de pronta entrega, são fabricados conforme a norma nbr 9050, dentro de todas as normativas da Anvisa e do Ministério Publico.

Banheiro de Cadeirante com porta sanfonada.

comprar barra de apoio, barra de apoio mil assentos, alarme banheiro mil assentos, mil assentos 11-3032-0074, mil assentos em pinheiros, 1000assentos barra de apoio, tudo para i dosos, banho idoso, banqueta idoso, idoso cadeira de banho, banheiro completo pne na mil assentos,

Mil assentos em pinheiros, são paulo, fone 11-3032.0074, tem tudo para um banheiro acessível completo adaptado para PNE, deficiente, cadeirante ou idoso.
Todos os produtos e acessórios para banheiro pne, disponíveis de pronta entrega, são fabricados conforme a norma nbr 9050, dentro de todas as normativas da Anvisa e do Ministério Publico.

Banheiro de Cadeirante com porta sanfonada.

6.11.2.3 No deslocamento lateral, deve ser garantido 0,60 m de espaço livre de cada um dos lados, conforme Figura 82. Na impraticabilidade da existência destes espaços livres, deve-se garantir equipamento de automação da abertura e fechamento das portas através de botoeira ou sensor, conforme 6.11.2.9 e 6.11.2.10 NOTA Esses espaços são necessários para facilitar a abertura da porta às pessoas em cadeira de rodas. 69 ABNT NBR 9050:2015 © ABNT 2015 – Todos os direitos reservados Dimensões em metros 1,50 mín. 0,80 mín. 0,60 mín. 0,30 mín. 1,20 mín. Figura 81 – Deslocamento frontal Dimensões em metros 1,50 mín. 1,50 mín. 0,80 mín. 0,80 mín. 0,90 mín. 0,60 mín. 0,60 mín. 1,20 mín. 1,20 mín. Figura 82 – Deslocamento lateral 6.11.2.4 As portas, quando abertas, devem ter um vão livre, de no mínimo 0,80 m de largura e 2,10 m de altura. Em portas de duas ou mais folhas, pelo menos uma delas deve ter o vão livre de 0,80 m. As portas de elevadores devem atender ao estabelecido na ABNT NM NBR 313. O vão livre de 0,80 m deve ser garantido também no caso de portas de correr e sanfonada, onde as maçanetas impedem seu recolhimento total, conforme Figura 83. Quando instaladas em locais de prática esportiva, as portas devem ter vão livre mínimo de 1,00 m. Dimensões em metros 0,80 0,80 a) Porta de correr – Vista superior b) Porta sanfonada – Vista superior a) Porta de correr – Vista superior b) Porta sanfonada – Vista superior Figura 83 – Vãos de portas de correr e sanfonada 6.11.2.5 O mecanismo de acionamento das portas deve requerer força humana direta igual ou inferior a 36 N.